7 de fev de 2010

Rock Talk - Proud Mary de Tina

Por Paula Febbe

Não foi apenas com barracos e brigas que Ike e Tina Turner fizeram história.
Se você acha que a versão mais rock n´ roll de Proud Mary é de uma banda chamada Credence Clearwater Revival você pode estar tremendamente enganado! Sabia?

Tina e seu marido na época, Ike Turner, conseguiram fazer uma versão absurda desta música e talvez isso se devesse exatamente ao possível paralelo que a energia colocada pelos dois neste single tinha com o relacionamento de Ike e Tina.  A versão deles começa de uma maneira calma e segura e se transforma em algo energético, forte, frenético e violento...Assim como o casamento dos dois.



Por Paula Febbe

5 comentários:

Daniel Silva disse...

wow! tá aí uma mulher de fibra. puro talento. sofreu pra caramba com o fdp do ike, mas seguiu em frente e tá ainda hoje por aí.

sobre a versão, muito bom!

abraço

8 de fevereiro de 2010 00:50
Esther Saldanha disse...

LOL
Que vozeirão! Ô.Ô
esse pessoal mandava muito bem. Aliás, mandava não, ainda mandam, a atualidade precisa de mais cantores como esses!

8 de fevereiro de 2010 11:18
luiz scalercio disse...

cara ela merece tem td que tem.
ela sofreu muito ta.

8 de fevereiro de 2010 11:55
Prêmio M3, disse...

gostei do beijinho doce...
ja ouvi em remix......eh legal...

8 de fevereiro de 2010 11:55
Lolita disse...

Realmente a melhor versão da música, gostosa e envolvente. Adorei e QUE VOZ!

9 de fevereiro de 2010 10:14