23 de fev de 2010

Nine, o glamour decadente


Imagine uma crise profissional e pessoal que faz teu imaginário viajar...

Vamos lá...vamos que vamos falar um pouco de cinema...hoje falaremos do musical Nine. Antes, gostaria de citar que fiz uma pequena pesquisa de satisfação dos cinéfilos e fiquei um tanto decepcionada com o pessoal que não gostou do filme. Confesso que me identifiquei com o personagem central, talvez isso tenha tornado a película, para mim, boa.

Imagine um conflito pessoal intenso, que te faz pensar, em forma de musical. Brilhante, se tratando de Daniel Day-Lewis, um elegante e envolvente ator, mais ainda no papel de Guido Contini, charmoso, problemático, mulherengo, criativo e sarcástico. Um chamariz de belas mulheres.

Começamos com o elenco, diria de peso me referindo à Judi Dench, Sophia Loren Marion Cotillard, Penélope Cruz. Ah é, tem também Nicole Kidman e Kate Hudson...

Nine ganha no dilema interno e no conflito pessoal do cativante Guido, este em crise na elaboração de um roteiro fazendo com que seus devaneios sejam representados pelos fantasmas de suas mulheres durante sua vida.


O que mais atrai nesta película é o enredo bem bolado, é tão real o desespero do protagonista que se traduz em uma bela arte dançante, um refúgio criativo colocado em forma de musical.

Não posso deixar de citar a aparição de Fergie do Black Eyed Peas, apesar de não haver diálogo, ela uma prostituta que abusa da sensualidade, como Penélope Cruz em uma das cenas mais quentes do filme. Mas Cotillard usa da boa atuação e a sutilidade feminina na construção de uma esposa fiel e sofrida. O musical é bom, coreografias sensuais, afinal todos amam Guido, que se dá do sarcasmo ao ridículo, do desesperado ao divertido. Guido pode ser claro em alguns momentos, mas suas idéias são subjacentes e seu dilema contínuo.

Admiro personagens em crise por isso recomendo Nine, além de uma fotografia belíssima, afinal é Itália e todos a amam.


12 comentários:

karinacasola disse...

Estou louca para ver Nine,. porém não me deu tempo,. e também aqueles comentários.. "Ah... não vale a pena"., mas musicais, filmes sem cor, como casablanca,. são só para amantes do cinema. como nós..kkkkkkk

http://www.balalaico.blogspot.com/
http://twitter.com/karinacasola

23 de fevereiro de 2010 23:19
Edimar Blazina disse...

Ainda não vi esse filme, mas pela crítica até quero ver. Mas vou esperar o DVD, ou quem sabe o Telecine. Quero um filme que valha ir ao cinema, como preciosa! Mas se dependesse somente do seu texto, iria correndo para o cinema! Parabéns!

23 de fevereiro de 2010 23:29
Kennedy ! disse...

Cara, Penélope é maravilhosa. Ela é melhor que muita baixa-renda por aí que fica se exaltando *-* adoro. Blog muito muito interessante.

24 de fevereiro de 2010 09:30
Luis disse...

A julgar pelo elenco do filme, parece ser muito bom. Esperarei o DVD

24 de fevereiro de 2010 09:40
War Inside My Head disse...

olha não sou muito fã de musicais...mas o elenco é muito bom...isso gera uma curiosidade epática em ver o filme!

24 de fevereiro de 2010 11:48
kbritovb disse...

num gostei mto do trailer do filme
mas posso até ver ele uma hora
elenco é bom mesmo

24 de fevereiro de 2010 12:08
carolina disse...

putz, to loca pra ver!!

24 de fevereiro de 2010 16:35
Nicole disse...

Críticas de cinema geralmente são negativas, não é mesmo?
Mas pela sinopse não me deu vontade de assistir, quem sabe um dia.

24 de fevereiro de 2010 18:32
nike utzig disse...

Então, foi mais uma pergunta retórica,com base nos críticos que sei.
Bem, respondi teu comentário no meu blog, mas vou repitilo aqui. Não foi o tókio hotel quem difundiu esse estilo, visual kei é algo que vem do J-rock (rock japonês), e começou nos anos 80 e 90, o tókio hotel é uma banda alemã e não japonesa, quem curte visual kei não gosta de tókio hotel, nem sequer a música deles é visual kei.
Obrigada.

25 de fevereiro de 2010 10:31
Alex disse...

Bah.. sei não.. não tive boas experiências com filmes musicais. Mas pela propaganda feita vou esperar o DVD. Quem sabe esse faça meu gosto..rsrsrs

25 de fevereiro de 2010 12:12
Admin Futebobeiras disse...

gostei do trailer

25 de fevereiro de 2010 15:23
Pobre esponja disse...

Boa dica, quando sair em DVD, alugo.

abç
Pobresponja

26 de fevereiro de 2010 15:49