1 de set de 2009

70 anos da 2ª Guerra Mundial

Hoje, dia 1º de setembro, faz 70 anos desde o início da segunda guerra mundial, mas e daí? O que isso tem a ver com música, com cultura?

Bom, sobre filmes, vou deixar uma pessoa mais qualificada falar, mas de música. Tenho que admitir que caso não houvesse guerras, muitas músicas boas e simbólicas não existiriam.

Depois de muita pesquisa resolvi levantar uma lista de filmes que foram feitas em contexto ou sobre guerras específicas. Como eu não achei só músicas sobre a segunda guerra mundial, então eu vou falar um pouco de todas que foram influenciadas de certa forma por qualquer guerra.

Lembrando que isso não é um ranking, apenas uma lista.

Rosa de Hiroshima - Ney Matogrosso

Escrita por Vinicius de Moraes e interpretada pela grupo Secos e Molhados. A música foi escrita em 1973 e retrata de uma forma poética o estrago feita pela bomba que trouxe o fim da 2ª Guerra Mundial e também o fim de muitas vidas inocentes.



Beatles - Revolution

Essa música foi gravada para se opor à Guerra do Vietnã.

Segundo Paul McCartney, após uma conversa com o escritor pacifista Bertrand Russel, ele percebeu o quão injusta era a guerra e convenceu seu então parceiro de banda, John Lennon, a gravar a letra.



Bob Dylan - Masters of War

O cantor folk é um dos letristas mais respeitados da música, como podem notar pelas letras, a sua característica mais marcantes é o protesto.

E nessa onda de protestos Dylan gravou Masters of War. Ele faz uma crítica bem direta aos responsáveis pelas guerras, que criam armas e bombas, se escondem atrás de paredes, mas não podem se esconder atrás das máscaras.



Ska-P - El Niño Soldado

Pouca gente conhece essa banda e menos ainda conhece essa música. A banda espanhola Ska-P ficou conhecida por expor seus pontos de vistas radicais.

A letra dessa música conta a história de um menino que nasce sem liberdade e identidade, e é transformado em um soldado frio, treinado para matar


Lenny Kravitz feat. Kadim Al Sahir - We Want Peace

Durante a guerra do Iraque, Lenny Kravitz procurou o artista da região em conflito com os Estados Unidos para gravar essa música.

Não é de ontem que as pessoas já sabem que o Lenny Kravitz não tem perfil nem histórico de quem grava esse tipo de música e de quem luta por alguma causa, mas esse tipo de manifestação sempre é válido.


Ramones - Blitzkrieg Bop

Blitzkrieg foi a técnica alemã que arrasou com os outros países. A estratégia consiste em ataques rápidos e de surpresa, para pegar o inimigo desprevenido. Foi assim que a alemanha nazista conseguiu muitos dos territórios e essa foi a técnica que fez com que começasse a guerra.

Quando isso chegou aos ouvidos dos Ramones logicamente virou música. Dee Dee e Tommy Ramone compuseram Blitzkrieg Bop, o maior sucesso dos Ramones e segundo a revista Rolling Stone, uma das melhores músicas de todos os tempos


David Bowie - When the Wind Blows

Em 1986, na época da Guerra Fria, Jimmy Murakami lançou a animação When The Wind Blows, David Bowie fez a música tema e Roger Waters ficou responsável pela trilha sonora.

Na animação um ingênuo casal inglês de velinhos sofrem os efeitos de um ataque nuclear que ocorreu em Londres.


Pink Floyd - Another Brick In The Wall

Essa é uma das obras primas do Pink Floyd. A música fez parte do álbum e do filme "The Wall", de 1982.

O filme conta a história de Pink, um menino que perdeu o pai antes de nascer por causa da Segunda Guerra Mundial. Esta falta é compensada por um superproteção da mãe, e isso faz com que o menino construa um muro entre ele e o mundo. Na evolução do filme, Pink se torna um astro do rock que entra em depressão e usa seu 'poder' para controlar seu público e 'limpar' o mundo dos males da sociedade. Cada um desses males é um tijolo no muro de Pink, que no final do filme é destruído, após um julgamento em sua mente onde ele encara o passado.


Esses são apenas oito de muitas outras manifestações sobre guerra na música, uma banda que é campeã de fazer esse tipo de protesto é a irlandesa U2, entre as mais conhecidas estão Miss Sarajevo e Sunday Bloody Sunday, ainda tem o, já tocado aqui, hino do Estados Unidos pelo Jimmy Hendrix, fechando o festival de Woodstock, com efeitos sonoros de tiros e bombas.

Também tem a música do Rage Against The Machine chamada Testify, onde Tom Morello abusa dos efeitos da guitarra para criar uma atmosfesta tão pesada quanto a letra. O vídeo dirigido pelo Michael Moore, mostra os dois candidatos à presidência dos Estados Unidos em 2000, Geoge Bush e Al Gore, como um monstro que aparecem em dois corpos e tem um único discurso. Além de outras músicas como One do Metallica e Meu Caro Amigo do Chico Buarque

Como podem ver, não digo que guerra é bom, mas que as guerras fizeram um bem danado ao cenário musical, não dá pra negar. Mas dificilmente, hoje em dia, encontramos alguma banda querendo escrever para protestar ou se manifestar contra algo que está acontecendo. Então acordem garotos letristas, vocês enxergam o mundo de hoje? Parem de mascarar o que acontece nas suas letras e mostrem a realidade, vocês tem o poder de indignação. Façam algo para mudar.

19 comentários:

Daniel Silva disse...

Bela ligação que você fez, cara.

A maioria das músicas são ótimas, clássicas mesmo.

Abraço

1 de setembro de 2009 23:49
Rafael Rocha disse...

Realmente a música tem a ver também. Aliás, música abrange vários temas, e inclusive tem muitas outras bandas e artistas que abordam este mesmo tema. Mas foi bem legal os detalhes mostrados antes dos clipes de cada música.

Abraço. =)

1 de setembro de 2009 23:53
Vini e Carol disse...

Realmente se não fosse essa guerra várias músicas nem existiriam, quanto mais fariam o sucesso que fizeram e ainda fazem.

Bacana seu post.

Sobre seu comentário, entendo que você não goste do Corinthians, maaas não iria postar algo só para agradar um ou outro, e não me agradar, afinal o blog é meu, não é mesmo?

Lá eu posto o que eu quero e o que vêem em mente, as pessoas comentam se quiser.

E não sei se seria mais lucrativo se postasse sobre o que você cogitou, ou sobre o Corinthians, enfim, minha singela homenagem está lá, e só comenta quem quiser.

Abração.

2 de setembro de 2009 00:49
Rodrigo Gil disse...

Muito bom o post seu Uriel! As guerras certamente influenciaram e influenciam diversas áreas da arte! Mas mesmo assim prefiro um mundo em paz, sem guerras, fome, miséria e por aí vai. Mas o teu post tá de parabéns!

2 de setembro de 2009 01:28
Diego F. Machado disse...

Nossa, não sabia que a música tinha sido tão influenciada pela segunda guerra, uma pá de música que eu ouço sempre e não sabia, como a do Ramones, que eu ouço quase todo dia no meu celular !

2 de setembro de 2009 01:34
JuGifs disse...

Amei as Musicas .. adoro musicas antigas .. ah musicas Beatles - Revolution tem num jogo que eu jogo exatamente do Vietnã .. muito legallll , parabéns pelo seu blog esta lindo!!

2 de setembro de 2009 01:49
Nova Quahog disse...

E ENTAO...70 ANOS DE FATO LASTIMÁVEL..ISSO É PRA QUEM FOR PRESTAR VESTIBA FICAR DE OLHO :D

2 de setembro de 2009 02:16
Astréia disse...

Adorei a lembrança! Músicas que nos fazem lembrar e refletir sobre as injustiças e brutalidades da qual o ser humano é capaz.

2 de setembro de 2009 14:16
planetadablogueira disse...

Como sempre a época dita a moda, dita a música e o sucesso.
Muitas dessas músicas eu não conheço, mas adorei o texto inicial!!
Abração.

2 de setembro de 2009 14:37
Nova Quahog disse...

ATENTOS VESTIBULANDOS!

VAMO COME O CU DOS AMERICANOS!

2 de setembro de 2009 14:52
Gutt e Ariane disse...

Não é um ranking, mas bem que poderia ser... são ótimas musicas e explendidas bandas!
Só faltou mesmo aquele clipe do Pearl Jam...Do the Evolution se não me engano, um que é uma animação... clipe feito muito tempo atras e continua atual pra caramba!

Parabens pela postagem cara, pelas relações que conseguiu linkar... muito bom mesmo!

2 de setembro de 2009 14:55
Heitor disse...

CAramba, adorei as músicas do Blog, Rosa de Hiroshima eh foda demais, muito boa comparação. E te vi através do Lista 10, merecido seu blog estar lah.

2 de setembro de 2009 15:08
30 e poucos anos. disse...

Grandes músicas...parabéns pela seleção

2 de setembro de 2009 15:11
Dj Xerox disse...

ja estou baixando todos os videos pra assitir com calma.
Gosto muito de musica e curti os clips.

www.djxerox.net

2 de setembro de 2009 15:37
luiz scalercio disse...

cara eu gostei muito dos
videos bm gosto ta.

2 de setembro de 2009 15:45
ederDBZ disse...

postagem show de bola, mais fiquei impressionado com a qualidade do podcast... realmente bem trabalhado... parabens

2 de setembro de 2009 15:45
Paty disse...

muito interessante o seu post! sou defensora da paz com unhas e dentes, por isso nunca tinha pensado neste lado e ver que até issso pode produzir coisas boas, tudo pode ter uma consequencia boa. Tem música ali que a gente gosta mas não sabe e inspiração que teve, muito legal.
Sinta-se a vontade para visitar os meus blogs: http://moradadevenus.blogspot.com/ e http://ilovefloripa.blogspot.com/

2 de setembro de 2009 17:26
Nova Quahog disse...

ATUALIZA MANO :D

3 de setembro de 2009 16:24
Avassaladoras Rio disse...

Querido amigo avassalador... Tudo sempre tem a ver com musica! sempre!
P.s.: Tem denuncia de calote contra voce na comunidade COMENTE NO BLOG ACIMA. Resolva.

3 de setembro de 2009 16:37